Encontro vai discutir identidades trans e travestis no candomblé e no cristianismo

Encontro vai discutir identidades trans e travestis no candomblé e no cristianismo

Espaço Cultural da Barroquinha, no centro de Salvador, vai sediar um debate que irá discutir as identidades trans e travestis no cristianismo e no candomblé. O evento será na quarta-feira (17) e o acesso é com base no esquema “Pague Quanto Puder.

O encontro será iniciado às 14h30, com a mesa O Acolhimento da Transgeneridade no Cristianismo, mediada pelo pesquisador e cristão Ailton Da Silva Santos, da COCIS – Comunidade Cristã Inclusiva do Salvador. Na roda, estarão o padre anglicano Bruno Almeida, o pastor Tárcito Fernando, da Igreja Batista de Nazaré, assim como a advogada feminista Laina Crisóstomo.

Às 18h começa a apresentação do grupo TransBatukada, com regência de Antenor Cardoso e, logo em seguida, o debate será retomado com a mesa O Acolhimento da Transgeneridade no Candomblé, mediada pela pesquisadora e egbomi Fernanda Júlia Onisajé, do Ilê Asé Oyá L’adê Inan, e com a presença de Mametu Allana Dandaramazi, zeladora transgênera do Unzo de Ungunzo Kessimbi Amazi; o babalorixá Gilson Ajunkesi, do Ilê Asé Ibá Ajunkesy, e o pesquisador egbomi Claudenilson Dias, do Ilê Asé Etomin Ewa.

O encontro é promovido pelo coletivo De Transs Pra Frente, com a parceria da Defensoria Pública Estadual, da ONG Koinonia e do CUS – Grupo de Pesquisa em Cultura e Sexualidade, da UFBA (Universidade Federal da Bahia).

Fonte: G1

Ver mais