Família pede orações para Neto, com tumor em “região delicada” da cabeça

Família pede orações para Neto, com tumor em “região delicada” da cabeça

O mundo do futsal foi pego de surpresa com o anúncio feito pelo fixo Neto sobre um tumor no cérebro, nesta quinta-feira. Apesar de a família divulgar poucas informações sobre o assunto, o pai do jogador, Dovenir Filho, que visitou o fixo na tarde desta quinta-feira e disse que a situação do defensor é complicada. Segundo o pai, o tumor está em uma região delicada na cabeça e, por isso, pediu orações e energias positivas aos amigos e fãs do jogador. 

Neto, que atua no Kairat Almaty, do Cazaquistão, está internado no Hospital de Clínicas da Universidade de São Paulo, em São Paulo, e aguarda a cirurgia que será realizada na manhã desta sexta-feira.

– O que nós gostaríamos dos amigos, torcedores e fãs dele, é que amanhã, pela manhã, façam uma oração e leve o pensamento a Deus pelo Neto. A cirurgia dele é muito complicada, o tumor dele está em uma região muito delicada, então, pedimos isso. Sabemos que tem muita gente que gosta dele, e que essa força da oração vai servir na hora da cirurgia, para guiar as mãos dos médicos. Precisamos dessa energia positiva, para que no final tudo certo – disse Dovenir, emocionado e confiante na equipe médica. 

Autor do gol do título que deu ao Brasil o heptacampeonato mundial em 2012, Neto passou mal em um treino da sua equipe há duas semanas e foi cortado dos amistosos da seleção brasileira na Catalunha. Na ocasião, a assessoria de imprensa da seleção divulgou que o motivo do corte foi por lesão, mas nesta quinta o blog Mundo do Futsal apurou que o problema era bem mais sério.

Revelado pelo Atlético-MG no fim dos anos 90, Neto passou também por Minas, Ulbra, InterMovistar (Espanha), Santos, Joinville, Gazprom-Ugra (Rússia), Corinthians, Split Tommy (Croácia), antes de chegar ao Kairat Almaty, do Cazaquistão. O jogador de 35 anos disputou os Mundiais de 2004 e 2012 pela seleção brasileira, sendo que foi convocado para a Copa do Mundo de 2008, mas foi cortado por lesão.

A seleção brasileira de futsal ainda não se manifestou sobre o assunto. Além da Bola de Ouro Fifa, Neto tem no currículo o prêmio de melhor defensor da Liga Nacional de Futsal nos anos de 2002, 2004 e 2011, quando atuou ao lado de Falcão no Santos.

Fonte – Globo Esporte

Ver mais